Unidades Curriculares

Conheça as Unidades Curriculares do curso de Medicina Veterinária


Disciplinas do Curso

Conheça as disciplinas do curso de Medicina Veterinária

1 ª fase

Conceituação da Administração. Funções do administrador: planejamento, organização, coordenação, controle e liderança. As funções da Organização. A importância da administração na sociedade moderna e suas perspectivas futuras. Administração e economia Rural. Cooperativismo. Fundamentos de Marketing.

Princípios gerais de Anatomia Veterinária, osteologia, artrologia, miologia, sistema cardiovascular, sistema tegumentar.

Estudo do comportamento animal nas diferentes esferas da biologia, tais como comportamento social, comportamento reprodutivo e outros. Alterações comportamentais e relação homem-animal. Climas do Brasil. Ação do meio ambiente sobre os animais. Reação animal ao ambiente tropical. Medidas de tolerância às condições tropicais. Aclimação dos animais. Ação das condições artificiais sobre os animais. Efeitos dos principais elementos do clima sobre os animais.

Técnicas de microscopia óptica, métodos de colheita e processamento de material de interesse médico veterinário para observações de estruturas citológicas / histológicas. Classificação, estrutura e função das células eucariontes e procariontes. A célula a nível molecular e morfofisiologia dos componentes celulares. Divisão celular: Mitose e Meiose. Técnicas de biologia molecular na veterinária. A célula frente aos microorganismos patogênicos.

Sistema tampão. Importância química e biológica dos lipídeos, carboidratos, proteínas, enzimas, vitaminas. Interrelação e regulação metabólica do organismo. Propriedades dos ácidos nucléicos e síntese proteica. Composição do sangue e aspectos bioquímicos da coagulação sanguínea.

Estudo do vocabulário e das estruturas básicas da língua inglesa necessárias à comunicação no dia-a-dia, contemplando as quatro habilidades do processo comunicativo: leitura, escrita, fala e audição. Estudo do vocabulário técnico ligado à área de Medicina Veterinária e das estruturas da língua inglesa em sua aplicabilidade no meio acadêmico, incluindo a leitura e produção de textos, com ênfase para o resumo, reportagem, notícia, ensaio e artigo científico.

A Língua Portuguesa e a comunicação oral e escrita. Adequação da linguagem aos seus diferentes níveis. Aspectos linguístico-gramaticais aplicados aos textos orais e escritos. Linguagem oral: princípios da oratória, técnicas de apresentação pública, apresentações acadêmicas. Universidade: natureza do conhecimento, Ensino, Pesquisa e Extensão. Ciência e Método. Ética aplicada à Pesquisa. Produção, normatização (ABNT) e estruturação dos gêneros textuais da esfera acadêmica.

2 ª fase

Aparelho respiratório. Aparelho digestório. Aparelho urogenital e glândulas mamárias. Placenta. Sistema Linfático. Sistema Nervoso. Anatomia das aves domésticas.

Representação tabular e gráfica. Distribuição de frequência. Medidas de Posição e de dispersão. Assimetria e Curtose. Elementos de Probabilidade. Distribuição de probabilidades. Correlação e Regressão. Comparação de médias. Princípios de delineamentos experimentais. Delineamento totalmente casualizado e blocos ao acaso. Teste de comparação de médias (Tukey, Duncan). Metodologia de utilização da calculadora e de programas computacionais na Estatística.

Fotossíntese. Bioquímica da glândula mamária. Bioquímica dos pré-estômagos de ruminantes. Bioquímica da digestão e absorção intestinal. Bioquímica endócrina. Bioquímica do fígado e pâncreas. Bioquímica renal. Bioquímica da visão. Bioquímica da reprodução. Particularidades bioquímicas das aves e peixes.

Fisiologia geral. Neurofisiologia: aspectos comparativos de neuroanatomia funcional nos animais domésticos. Neurofisiologia geral. Sistemas sensoriais. Sistemas motores. Sistema nervoso autônomo. Comportamento e atividade nervosa superior. Fisiologia da digestão e da nutrição: Motricidade do trato digestivo. Secreção digestiva.

Contexto histórico, sociopolítico e filosófico do surgimento da Nova Ciência. Indivíduo e Sociedade. As principais correntes das teorias clássicas sociológicas e contemporâneas e seus precursores. Cultura, identidade e diversidade cultural. Direitos Humanos. Relações étnico- raciais e de gênero. Etnia e História da Cultura Afro-Brasileira e Indígena. Sociedade, inclusão e responsabilidade social.

Organização microscópica e histologia dos órgãos e sistemas de animais de interesse veterinário. Fundamentos de tecidos animais: tecidos epiteliais e mesenquimais. Organização microscópica e histofisiologia comparada das estruturas e órgãos dos sistemas: circulatório, respiratório, tegumentar, digestório, conjuntivo, adiposo, cartilaginoso, ósseo, muscular, nervoso, linfoide, reprodutor, urinário e hematopoiético.

3 ª fase

Introdução a Anatomia Topográfica. Sintopia. Holotopia. Esquelotopia. Estática das vísceras. Cavidades celomáticas. Pelviologia e Pelvimetria. Regiões de interesse médico cirúrgico nos diferentes mamíferos domésticos. Órgãos dos sentidos (visão, audição e equilíbrio).

Aparelhos reprodutores, gametogênese, fecundação, implantação, formação dos folhetos embrionários, organogênese, anexos embrionários e tipos de placenta, período fetal e parturição. Estudo comparado das primeiras fases do desenvolvimento embrionário de animais domésticos. Teratologia.

Fisiologia dos animais: fisiologia dos sistemas: muscular, circulatório, respiratório, digestório, renal, endócrino e reprodutor.

Introdução e conceitos gerais. Características desejáveis de uma planta forrageira. Estudo dos principais grupos de plantas forrageiras: hábito de crescimento, exigências, propagação. Características agronômicas de leguminosas tropicais. Inoculação e peletização de leguminosas tropicais. Fisiologia de plantas forrageiras. Zoneamento de plantas forrageiras para o Brasil. Fertilização e correção dos solos. Importância dos macro e microelementos. Manejo agroecológico de pastagens.

Conceitos básicos de genética. Genética molecular. Estrutura e replicação do DNA. Funcionamento gênico. Mutações. Citogenética básica e clínica. Análise de cariótipo. Síndromes genéticas. Padrões de herança monogênica. Genealogia. Herança ligada ao sexo. Genética bioquímica. Erros inatos do metabolismo.

Bacteriologia: parte geral. Estrutura da célula procariótica, sistemática, genética microbiana, metabolismo; nutrição, cultivo e crescimento; resistência às drogas antimicrobianas e relação hospedeiro-parasita; diagnóstico laboratorial, patogenicidade, distribuição e imunidade das principais famílias gêneros e espécies de bactérias de interesse médico veterinário.

Introdução a parasitologia, definições e termos técnicos. Relação parasito-hospedeiro. Etiologia de doenças parasitárias dos animais domésticos. Taxonomia e morfologia dos agentes etiológicos. Interações parasito/hospedeiro: ciclo biológico, transmissão, patogenia, epidemiologia, profilaxia e diagnóstico. Morfologia e biologia dos principais helmintos parasitos dos animais domésticos: classe Nematoda, Cestoda e Trematoda, filo Acanthocephala. Meios e métodos de diagnóstico em parasitologia.

4 ª fase

Protozoologia e Entomologia: importância Veterinária, morfologia, sistemática, ciclo biológico, sinais clínicos, patogenia, lesões e profilaxia dos protozoários de interesse veterinário. Morfologia, sistemática, biologia e importância dos principais artrópodes de interesse veterinário.

Contenção dos animais domésticos, aplicação de medicamentos por diferentes vias, coleta de material para exame laboratorial, exame clínico completo e métodos auxiliares de diagnósticos.

Introdução aos Programas e Projetos de Extensão Universitária. Identificação de problemas da sociedade relacionados com a saúde pública, produção e sanidade animal. Desenvolvimento de projeto que envolva as competências inerentes à formação profissional.

Introdução à Farmacologia. Formas farmacêuticas. Vias de administração. Prescrição e cálculo de doses para as diversas espécies animais. Farmacocinética. Farmacodinâmica. Fatores que influenciam na ação dos fármacos nas diversas espécies animais. Drogas adrenérgicas e bloqueadores adrenérgicos. Drogas colinérgicas e anticolinérgicas. Relaxantes musculares de ação periférica. Anestésicos locais. Anti-inflamatórios.

Introdução, conceitos e terminologia hospitalar. Instalações hospitalares para pequenos e grandes animais. Material e equipamentos hospitalares. Paramentação. Estudo básico sobre contaminação, assepsia e anti-sepsia. Plano de Gerenciamento de Resíduos de Serviços de Saúde (PGRSS) e Biossegurança.

Conceitos básicos de imunologia; Células, tecidos; Substâncias de modulação; Caracterização das classes de anticorpos em diferentes espécies animais; Antígenos e antigenicidade; Fagocitose; Diapedese, Inflamação; Mecanismos efetores das respostas imunitárias; Funcionamento na defesa contra patógenos; Resposta imune como causadora de patologias; Regulação do sistema imune; Sistema complemento e demais integrados; Imunodiagnóstico; Imunidade tumoral, Transplantes; Imunodeficiências; Vacinação e medidas terapêuticas de fundo imunológico.

Fungos: morfologia, necessidades e características culturais; diagnóstico laboratorial e patogenicidade dos principais fungos de interesse médico-veterinário. Principais agentes fúngicos de interesse na Medicina Veterinária. Vírus: estrutura, classificação, replicação, isolamento e cultivo, classificação, propriedades gerais, diagnóstico laboratorial, patogenicidade e imunidade dos principais vírus de interesse médico veterinário.

Classificação e composição dos alimentos destinados aos animais domésticos. Princípios nutritivos dos protídeos, glicídios, lipídios, das vitaminas, dos minerais e dos aditivos, com vistas à alimentação racional dos animais. Técnicas e métodos de alimentação racional dos animais domésticos, tendo como base os princípios de nutrição animal e de utilização de forragens volumosas. Bromatologia dos alimentos. Aspectos técnicos e econômicos do cálculo de rações. Uso da informática na nutrição animal.

5 ª fase

Espécies de abelhas sociais, formas de organização social, feromônios, fatores de produção em abelhas, manejo de apiários, produção de mel, produção de cera, produção de própolis, produção de geleia real, produção de apitoxina, sanidade e qualidade dos produtos apícolas, comercialização. Introdução à piscicultura no Brasil e Santa Catarina, espécies exóticas e nativas para piscicultura, sistemas de produção de peixes, qualidade de água e ambiente aquático, equipamentos e instalações para piscicultura, aspectos gerais da nutrição de peixes, manejo alimentar, reprodução induzida de peixes em sistemas intensivos, transporte e comercialização do pescado, reversão sexual de tilápias, principais doenças em piscicultura, legislações e manejo de águas residuais.

Aplicação dos Programas e Projetos de Extensão Universitária. Identificação de problemas da sociedade relacionados com a saúde pública, produção e sanidade animal. Desenvolvimento de projeto que envolva as competências inerentes à formação profissional.

Aplicação dos princípios básicos da criação e exploração racional de aves de corte e de postura: manejo, nutrição e alimentação, melhoramento genético. Noções de fisiologia, etologia e reprodução. Raças. Ambiência. Instalações e equipamentos. Comercialização. Informática em avicultura. Produção de frangos de corte. Produção de poedeiras comerciais. Produção de matrizes comerciais e de corte. Incubatório e incubação. Licenciamento ambiental.

Bases históricas e importância da Radiologia Veterinária. Natureza dos Raios-X e a sua produção. Biossegurança. Os Raios-X e a formação da imagem. Registro da imagem. Técnicas radiográficas, nomenclatura radiológica e posições radiográficas. Câmara escura (localização-tamanho-iluminação, equipamentos e ventilação). Processo de revelação (agentes reveladores-revelação manual e automática). Sistema ósseo e articular (anatomia radiográfica-patologias). Sistema digestivo (anatomia radiográfica, patologias-contrastes). Sistema respiratório. Sistema urinário/genital (anatomia radiográfica e processos patológicos no macho e na fêmea). Sistema cardiovascular. Estudo das bases físicas da radiologia, da ultrassonografia e endoscopia.

História natural da doença. Conceitos e usos da epidemiologia. Importância para a Medicina Veterinária e Saúde Pública. Estudo da frequência, distribuição e determinantes da saúde em populações com preocupações voltadas à profilaxia de doenças, consideradas as características do hospedeiro, dos agentes de doenças e do meio ambiente. Epidemiologia descritiva, analítica e experimental. Indicadores epidemiológicos de saúde. Indicadores de morbi-mortalidade. Epidemia e endemia. Métodos de diagnósticos epidemiológicos. Vigilância Epidemiológica.

Farmacologia dos tecidos, sistemas e aparelhos dos organismos de animais domésticos. Antimicrobianos e antifúngicos. Antiparasitários. Antineoplásicos. Fármacos que influenciam na gestação das diversas espécies animais. Farmacologia do sistema nervoso central. Farmacologia do sistema digestório. Farmacologia do sistema respiratório. Farmacologia do sistema renal. Farmacologia do sistema cardíaco. Farmacologia do sistema endócrino.

Princípios de genética quantitativa aplicada ao melhoramento dos animais domésticos. Parâmetros genéticos (Herdabilidade, Repetibilidade e Correlação Genética). Seleção. Índices de seleção. Base para seleção das diversas espécies de animais domésticos. Programas de seleção. Endogamia. Sistemas de acasalamento. Interação genótipo-ambiente. Noções de melhoramento em aves, suínos e bovinos de leite e corte. Aplicação dos conceitos modernos da genética no melhoramento animal, manipulando os princípios básicos da seleção, consanguinidade e cruzamentos nas principais espécies pecuárias.

Análise bioquímica do sangue. Interpretação dos exames hematológicos. Urinálise e sua interpretação. Hemograma. Testes sorológicos. Coleta do Líquor.

Considerações gerais sobre a patologia: definição, classificações, dados sobre a evolução histórica. Relação da patologia com outros ramos do conhecimento Médico Veterinário. Processos degenerativos, infiltrativos e regressivos. Necrose e apoptose. Inflamação. Relações Hospedeiro-parasita. Alterações do crescimento, diferenciação celular e neoplasias. Imunopatologia. Pigmentos e calcificações.

6 ª fase

Patologia do sistema respiratório. Patologia do sistema circulatório. Patologia do sistema digestório. Patologia do sistema urinário. Patologia do sistema genital feminino. Patologia do sistema genital masculino. Patologia do sistema locomotor. Patologia do sistema nervoso. Patologia do sistema endócrino. Patologia do sistema tegumentar e anexos. Patologia do sistema hemocitopoético e linfático. Medicina Veterinária legal. Técnicas de necropsia nos animais domésticos e alterações post-mortem.

Introdução à anestesiologia. Medicação pré-anestésica. Princípios da anestesia geral. Anestesia geral, parenteral e inalatória. Anestesia local. Miorrelaxantes. Emergências e ressuscitação.

Aplicação dos Programas e Projetos de Extensão Universitária. Identificação de problemas da sociedade relacionados com a saúde pública, produção e sanidade animal. Desenvolvimento de projeto que envolva as competências inerentes à formação profissional.

Etiopatogenia, fisiopatologia, diagnóstico e terapêutica em dermatologia, nefrologia, neurologia, gastroenterologia em pequenos animais. Neonatologia.

Importância e situação da caprinocultura e ovinocultura no Brasil e no mundo. Raças de interesse econômico para o Brasil. Alimentação, manejo e instalações para as diferentes categorias de criação. Reprodução e eficiência reprodutiva. Produtos da exploração de caprinos e ovinos (carne, lã, leite, pelos, esterco). Principais doenças e suas respectivas práticas profiláticas. Planejamento da criação.

Introdução, importância e conceitos em saúde pública e políticas de saúde. O desafio da Saúde Única. Inserção do Médico Veterinário na equipe interdisciplinar de saúde pública. Fundamentação teórica sobre elaboração e condução de programas de controle de pragas urbanas. Estudo de Vigilância Ambiental e Vigilância Sanitária. Sistemas de controle de qualidade na Indústria de alimentos (BPF, APPCC, PPHO, POP`S). Microorganismos causadores de Toxinfecção Alimentar. Higienização e Sanitização na Indústria de Alimentos. Sistemas de informação em saúde pública de interesse na área. Tópicos de educação em saúde.

Suinocultura no Brasil - análise prospectiva do complexo suinícola. Raças de suínos, cruzamentos e hibridação. Sanidade, Reprodução e Seleção de reprodutores. Instalações. Comercialização. Manejo de dejetos. A influência ambiental sobre o desenvolvimento dos suínos. Licenciamento ambiental.

Introdução à disciplina, Metodologia, Normas e Avaliações. Conceitos Gerais e prescrição de receitas. Terapia Antimicrobiana. Terapia Analgésica e Antiinflamatória. Fluidoterapia - Hidratação e Expansão. Terapia Energética. Transfusão Sanguínea. Terapêutica básica de ferimentos. Terapêutica do Sistema Respiratório. Terapêutica do Sistema Digestório. Terapêutica do Sistema Urinário. Terapêutica do Sistema Cardiovascular. Terapêutica do Sistema Nervoso - Anticonvulsivantes. Terapêutica do Sistema Reprodutor. Prática de Manipulação e Administração de medicamentos.

7 ª fase

Aplicação dos Programas e Projetos de Extensão Universitária. Identificação de problemas da sociedade relacionados com a saúde pública, produção e sanidade animal. Desenvolvimento de projeto que envolva as competências inerentes à formação profissional.

Diagnóstico da pecuária de corte no Brasil. Conceitos inerentes à pecuária de corte. Alternativas tecnológicas. Sistema de produção de carne. Manejo de bovinos de corte. Manejo reprodutivo. Melhoramento de bovinos de corte. Instalações, planejamento e projetos. Conceitos e perspectivas da criação econômica dos bovinos leiteiros. Fisiologia e características da lactação. Nomenclatura exterior, regiões indicativas e raças com aptidão leiteira. Registro genealógico, controles zootécnicos, juízo e julgamentos. Manejo dos rebanhos, alimentação, sanidade, reprodução, instalações e equipamentos. Evoluções dos rebanhos. Planejamento e projetos.

Etiopatogenia, fisiopatologia, diagnóstico e terapêutica em cardiologia, oftalmologia, endocrinologia, pneumologia e aparelho locomotor em pequenos animais. Geriatria em cães e gatos.

Estudos referentes às doenças dos sistemas digestório, respiratório, nervoso, locomotor, urinário, cardiovascular, hematopoiético e tegumentar. Estudo clínico dos distúrbios metabólicos, eletrolíticos e minerais, neonatologia e glândula mamária. No desenvolvimento dos assuntos adotam-se definição, epidemiologia, etiologia, patogenia, sinais clínicos, diagnóstico, diagnóstico diferencial, tratamento, prognóstico e prevenção e controle.

Conceituação da avicultura brasileira. Mecanismos de defesa e imunidade das aves. Vacinas e vacinações, patologia da incubação. Etiologia, patogenia, patogenicidade, sinais clínicos, diagnóstico clínico e laboratorial, epizootiologia e profilaxia e tratamento das principais doenças em aves.

Estudo dos alimentos de origem animal em seus aspectos higiênicos e sanitários relacionados com a saúde humana. Legislação na área. Classificação e características dos estabelecimentos de abate e processamento dos animais de açougue e outros produtos de origem animal. Técnicas, normas e critérios de inspeção dos animais e dos estabelecimentos. Inspeção de bovinos, caprinos e suínos.

Nomenclatura cirúrgica. Profilaxia da infecção cirúrgica. Períodos pré, trans e pós operatório. Tempos fundamentais da técnica cirúrgica (diérese, hemostasia e síntese). Fluidoterapia em pacientes cirúrgicos. Cirurgia plástica da pele. Cirurgias introdutórias dos diferentes sistemas e aparelhos.

Considerações gerais sobre zoonoses e estudo das doenças comuns aos animais e humanos. Programas de prevenção e controle das zoonoses na Saúde Pública. Estratégia mundial na busca da Saúde Única (one health).

8 ª fase

Aplicação dos Programas e Projetos de Extensão Universitária. Identificação de problemas da sociedade relacionados com a saúde pública, produção e sanidade animal. Desenvolvimento de projeto que envolva as competências inerentes à formação profissional.

Avaliação pré e pós-operatória do paciente cirúrgico. Estudo da síndrome choque e da ressuscitação cardiopulmonar. Fisiopatologia, diagnóstico e tratamento das doenças cirúrgicas dos animais domésticos. Afecções cirúrgicas da cavidade oral, esôfago, pele e anexos. Cirurgia do aparelho respiratório e abdominal. Ortopedia, oncologia e oftalmologia cirúrgica. Trauma e infecção cirúrgica.

Estudo das causas, mecanismo e sintomas das principais enfermidades dos equídeos com a finalidade de estabelecer o diagnóstico, avaliar a evolução e o prognóstico e instituir o tratamento.

Exame de rebanhos suínos, controle e eliminação de doenças em rebanhos suínos, avaliação dos índices de produção, doenças da glândula mamária, doenças gastroentéricas, enfermidades respiratórias, doenças do sistema músculo esquelético, doenças do sistema nervoso, neonatologia, afecções do sistema urinário, afecções dermatológicas, principais afecções infecto-contagiosas, controle sanitário, distúrbios nutricionais e metabólicos.

Biologia do sexo. Morfofisiologia do aparelho reprodutor. Endocrinologia da reprodução. Doenças infecto-contagiosas do sistema reprodutivo. Problemas reprodutivos de origem genética. Influência do ambiente nos eventos reprodutivos. Diagnóstico e tratamento das afecções que interferem na fertilidade.

Inspeção. Manejo de pré-abate e exame post-mortem do pescado e aves. Inspeção do leite, ovos e mel.

Fundamentos da Toxicologia. Identificação das principais plantas tóxicas, fatores que influenciam na intoxicação por plantas, alterações provocadas no organismo animal. Fontes de intoxicação, mecanismo de lesão toxicológica, sinais clínicos, lesões patológicas e tratamento nas intoxicações por: metais pesados e minerais, micotoxinas, zootoxinas, inseticidas e rodenticidas. Métodos indicados e contra indicados para eutanásia.

9 ª fase

Normativas da profissão de Médico Veterinário, Obrigações e Deveres. Código de Ética. Estudo da Medicina Veterinária no Brasil, evolução e perspectivas futuras. Áreas de atuação do Médico Veterinário, clínicas, estabelecimentos de abate e industrialização de produtos de origem animal. Saúde Pública e Vigilância Sanitária. Legislação profissional.

Métodos para colheita do sêmen das espécies de interesse zootécnico. Avaliação do ejaculado, diluidores, preservadores e técnicas de conservação e estocagem do sêmen. Técnicas de Inseminação Artificial nas espécies de interesse zootécnico. Controle das funções reprodutivas. Eficiência reprodutiva. Determinação do sexo e diferencial sexual. Citogenética aplicada à reprodução animal. Fertilização "in vitro" e embriogênese inicial. Controle do ciclo estral. Transferência de embriões. Micromanipulação de embriões.

Anatomia e fisiologia funcional de animais silvestres e de zoológico. Principais enfermidades, aspectos clínicos e cirúrgicos de aves, mamíferos e répteis silvestres e de zoológico. Patologia clínica de animais silvestres e de zoológico. Odonto-estomatologia de Animais Silvestres. Cálculo alométrico.

Origem dos equinos. Participação na vida do homem. Exterior. Andamentos. Raças nacionais. Raças estrangeiras. Instalações e equipamentos. Pastagens. Alimentação. Manejo reprodutivo. Criação de potros. Andamento e adestramento. Apreciação e julgamento.

O estágio será desenvolvido nas seguintes áreas: I Produção Animal; II Medicina Veterinária Preventiva e Saúde Pública; III Clínica Médica e Cirúrgica. As áreas comportarão sub-áreas, que serão sugeridas pelo Professor de Estágio, de acordo com o interesse do aluno. Em cada sub-área serão desenvolvidas atividades pertinentes ao seu conjunto de conhecimentos. O estágio será desenvolvido em serviços próprios da Instituição de Educação Superior (IES).

Elaboração de um projeto de trabalho de conclusão de curso com tema relativo à pesquisa, extensão ou ensino, a ser estabelecido entre orientador e aluno, nas áreas de atuação do profissional de Medicina Veterinária. Definição da problemática e objetivos. Método. Revisão de literatura. Validação de Instrumentos de Pesquisa. Cronograma de execução. Elaboração do projeto de trabalho de conclusão de curso.

Introdução ao estudo da Obstetrícia Veterinária. Gestação. Parto normal. Higiene e gestação do parto. Puerpério do recém-nascido. Operações obstétrica. Material obstétrico. Operações praticadas no feto. Operações na fêmea. Morfofisiologia do aparelho reprodutor feminino. Diagnóstico e tratamento de transtornos ginecológicos e obstétricos.

10 ª fase

O estágio será desenvolvido nas seguintes áreas: I Produção Animal; II Medicina Veterinária Preventiva e Saúde Pública; III Clínica Médica e Cirúrgica. As áreas comportarão sub-áreas, que serão sugeridas pelo Professor de Estágio, de acordo com o interesse do aluno. Em cada sub-área serão desenvolvidas atividades pertinentes ao seu conjunto de conhecimentos. Os estágios serão desenvolvidos em Unidades de Ensino, Empresas, Institutos de Pesquisa e outras entidades Públicas ou privadas ligadas ao campo profissional da Medicina Veterinária, credenciadas de acordo com normas estabelecidas pelas Normas de Estágio Curricular Obrigatório de Curso de Medicina Veterinária.

Elaboração do trabalho de conclusão de curso final. Pesquisa Experimental. Estudo de Caso. Base de Dados e Pesquisa Bibliográfica. Execução do projeto de trabalho de conclusão do curso. Coleta e análise dos dados. Tratamento de Dados Qualitativos e Quantitativos. Defesa.